quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Fracassados

Porque esquecemos os detalhes mais importantes,  o treino, a aprendizagem, têm de ser contínuos. Dizes: “eu já vi isso” ou “eu já falei com ele”. “Eu já sei tudo e ele também já sabe tudo”. Isso não é verdade, nem tu nem ele captaram tudo, ou captaram e depois esqueceram. Sabes porquê, porque o dia-a-dia é normalmente um mar de negatividade. Muitas vozes lançam-te  lixo mental dizendo “não é possível”, “não podes”,”não consegues”, e estas são ordens que programam o teu cérebro. Os fracassados não sabem tomar decisões, vão atrás desta maré de opiniões negativas que se transformam em ordens. Não sei se já leram “Pense e Enriqueça”. Este livro diz assim: “as pessoas de sucesso decidem iniciar alguma coisa rapidamente, e, se depois têm de mudar de decisão, fazem-no muito lentamente. Os fracassados decidem iniciar muito devagar e, se depois mudam de opinião, fazem-no muito depressa. Ou seja, se tens uma oportunidade para apanhar ou para oferecer e és uma pessoa de sucesso ou a outra pessoa é de sucesso, aproveitam-na imediatamente e começam a trabalhar naquilo e, se depois pensarem “bom, não sei se este negócio me convém” saem lentamente. Demora tempo a decisão de saír, primeiro lutam muito para terem sucesso. Vão a todas as formações para aprenderem mais, leem todos os livros e falam com o máximo de gente bem sucedida naquele negócio particular. Um fracassado demora um monte de tempo para decidir começar, às vezes nunca chega a começar. “Ai será que começo? Será que faço?” Demora muito. E, se depois se lhe apresenta uma outra possível oportunidade, deixa tudo imediatamente. Não querendo isto dizer que inicie a outra imediatamente, normalmente ainda fica a pensar “será que me convém? Será que sou capaz?”. Vivem a tentar encontrar uma fórmula mágica que os faça ricos sem trabalhar. Não observam as pessoas de sucesso, não pedem conselhos, pensam que sabem tudo, não escutam, as informações entram por um ouvido e saem por outro. E esta atitude de “não escutar” é uma das principais responsáveis pela falta de aprendizagem.

Tu, por teu lado, torna-te um bom observador das pessoas de sucesso. Elas fazem coisas que repetem continuamente e, se descobrires que coisas são, já avançaste um bom bocado. Os fracassados também fazem coisas que repetem continuamente e, uma vez que descubras já sabes: “ok isto é o que eu não devo fazer”. É muito fácil ficar rico. Simplesmente observa o que faz um rico, o que ele lê, o que ele come, onde ele vai, em que trabalha e começa a copiar isso tudo. Queres ser pobre? É muito fácil também. Observa o que eles dizem, como vestem, que lugares frequentam, em que trabalham, e copia isso tudo. Então vais ficar exactamente como eles. Os fracassados são óptimos para criticar e matar ambições, desejos e a iniciativa dos outros.


Rui Gabriel

_______________________________

www.omeunegocio.com/candidatura

Sem comentários: